Com o apoio da Associação dos Pilotos de Chevette de Velocidade na Terra (APCVNT), a categoria Super Chevy participa da 2.ª etapa do Campeonato Metropolitano de Velocidade na Terra, no autódromo de São José dos Pinhais, nos dias 22 e 23 de junho, que terá organização e promoção de Manoel Rodriguez e Leandro Stadler,daRS Motorsport Eventos e supervisão da Federação Paranaense de Automobilismo (FPrA). Super Chevy foi um dos destaques da primeira etapa realizada em maio e quer bater esse recorde de participantes no fim de semana, superando os 26 carros da etapa passada.

“Decidimos separar as categorias A e B nessa etapa, para facilitar o trabalho dos pilotos e dar mais segurança a todos, pois a diferença entre os carros é muito grande e facilitava a possibilidade de acidentes. Como temos cerca de 28 carros confirmados para a segunda etapa, vamos separar o grid, ficando 14 para cada lado e muito mais seguras provas. Os carros da categoria B são praticamente originais, com poucas modificações e mais lentos que os da categoria A”, declarou Gabriel Sutil, presidente da APCVNT.

– As categorias –

Na categoria Super Chevy A o domínio foi total de Hamilton Morsch, na primeira etapa, marcando a pole position e vencendo as duas provas disputadas, disparando na liderança do campeonato. Mas os pilotos Cleverson David Petrich e Pedro Everaldo dos Santos, que ficaram em segundo lugar na primeira e segunda corrida respectivamente, também querem vencer e fazer história nessa categoria que já é uma das sensações do Metropolitano de Velocidade na Terra de São José dos Pinhais. Porém, esta será apenas a segunda etapa da temporada 2019, e, além desses dois pilotos, tem mais uns 12 querendo o lugar mais alto do pódio. Estão, as corridas deste fim de semana mostrará quem poderá fazer frente ao Hamilton, que mostrou muita força e técnica para vencer as duas provas da primeira etapa. As corridas deste sábado e domingo prometem muitas disputas na pista.

Super Chevy B é uma categoria mais light, com os carros praticamente originais. Mesmo assim tivemos boas disputas entre os pilotos na primeira etapa. Muitos carros ainda estão em desenvolvimento e por isso a organização acredita que ela possa crescer ainda mais nas próximas etapas. Os vencedores da primeira etapa foram Lucas Machado, que marcou a pole position, venceu a primeira e ficou em segundo na outra corrida. Brendon Zonta Gabardo ficou em segunda na primeira e venceu a segunda corrida e está em segundo lugar no campeonato. Mas ainda tem Edson Pilatti, Sebastião Roberto dos Santos e Roberto Sadao Minatya, terceiro, quarto e quinto na classificação do campeonato, que também querem o lugar mais alto do pódio, e, com as categorias separadas, haverá mais espaço para as disputas entre os pilotos pelas melhores posições.  

– Classificação –

Com uma etapa realizada e duas baterias disputadas, a classificação das categorias Super Chevy é a seguinte: Super Chevy “A”: 1.º) Hamilton Morsch, 44 pontos; 2.º) Cleverson Petrich, 30; 3.º) Pedro dos Santos, 24; 4.º) Rogério Torres, 19 e Dario Pereira, 19; 5.º) Ricardo Smanhoto, 15; 6.º) Flávio de Alvejaneda Mendes, 13. Super Chevy “B”: 1.º) Lucas Machado, 39; 2.º) Brendon Gabardo, 38; 3.º) Edson Pilatti, 27; 4.º) Sebastião Roberto dos Santos, 21; 5.º) Roberto Sadao Minatya, 19; 6.º) Gabriel Beuting Ferreira, 14.