Destaques Final terá duelo entre as duas melhores campanhas da...

Final terá duelo entre as duas melhores campanhas da temporada

As duas equipes já estão garantidas na elite do voleibol brasileiro na temporada 2018/2019.

-

A grande final da Superliga B feminina de vôlei 2018 acontece na próxima segunda-feira (09.04), no ginásio Moringão em Londrina (PR). Os rivais Vôlei Positivo/Londrina (PR) e o Curitiba Carob House/CMP (PR), que duelam pelo título, têm mais em comum que somente o estado de origem. Os dois times paranaenses já garantiram um lugar na elite do voleibol brasileiro, colocando o estado de volta à principal competição do país após 14 anos, contam com atletas de grande experiência no elenco e têm campanhas similares na competição.

Administrado pela medalhista olímpica (Sydney 2000) Elisângela, o Vôlei Positivo/Londrina é o único invicto nesta Superliga B. O time londrinense fez sete partidas e venceu todas, perdendo apenas dois sets. Na estreia da temporada a equipe venceu justamente as adversárias da final. A partida aconteceu no dia 27 de janeiro, em Curitiba (PR) com vitória do Londrina por 3×0.

Esta foi a única derrota do Curitiba Carob House/CMP que desde então não perdeu nenhum outro set. A equipe curitibana venceu todos os jogos seguintes da fase classificatória, garantiu vaga direta às semifinais, e novamente levou a melhor nas duas partidas do playoff em sets diretos. A capitã da equipe curitibana, a campeã olímpica (Pequim 2008) Valeskinha, é uma das mais experientes em quadra. Com o triunfo do Curitiba, a capital paranaense reviverá o período em que o projeto do Rexona, comandado por Bernardinho, movimentava os fãs de voleibol da cidade. Após a conquista da vaga na primeira divisão a central prega foco na busca pelo topo do pódio.

“Queremos ir para a decisão com tudo, mas já saber que estamos na primeira divisão é muito bom. Estamos de alma lavada, mas já teremos que pensar na final, pois queremos muito mais”, disse Valeskinha.

Por ter a melhor campanha em toda a temporada, o Vôlei Positivo/Londrina será o anfitrião na grande final. A pressão da torcida pode fazer a diferença e o ginásio Professor Darcy Cortez, o “Moringão” tem capacidade para 6.000 pessoas. A vitória na semifinal contra o ADC Bradesco (SP) colocou a cidade do interior paranaense de volta à elite após 18 anos. Desde o fim da temporada 1999/2000, que contou com o Grêmio Londrina, a cidade não teve representantes na principal competição do voleibol brasileiro.

“É a coroação do trabalho que estamos fazendo desde outubro. Essa vitória é especial para mim pois sou de Londrina. O trabalho foi feito com muita seriedade e comprometimento. A cidade também merecia ter uma equipe novamente disputando a elite do voleibol brasileiro”, contou Ivomary Ramos, treinadora da equipe e cidadã londrinense.

SUPERLIGA B FEMININA 2018

FINAL

09.04 (SEGUNDA-FEIRA) Vôlei Positivo/Londrina (PR) x Curitiba Carob House (PR), ginásio Moringão, em Londrina (PR), às 19h30 – Transmissão SporTV

O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileiro

ViaCBV
Rafael Pignatarohttps://www.cadernoinformativo.com.br
Produtor de conteúdo | Repórter | Jornalista |Marketing | Idealizador do Portal Caderno Informativo | Empreendedor na RP Comunicação Integrada |

Últimas publicações

Coxa não faz bom jogo e sofre revés para o Atlético-GO

Apático, o Coritiba sofreu mais um revés jogando como visitante na Série A do Campeonato Brasileiro. Assim...

Paranaense de Velocidade na Terra: Kart Cross confirma o maior grid da 2.ª etapa

As categorias Kart Cross Original CBA e Kart Cross Força Livre fizeram a festa na 2.ª etapa da Copa Vila Velha de...

Zorzetto vive uma nova experiência Citadino de Kart de Foz do Iguaçu

Uma nova experiência será vivida por Caio Zorzetto, da equipe Disam Insumos Agrícolas/CHD'S do Brasil/Thunder/Lei de Incentivo...

Firás Fahs inicia no Citadino de Foz a preparação para o Paranaense de Kart

Mais do que buscar uma nova vitória neste sábado, quando disputará a 3ª etapa do Campeonato Citadino...

Com 182 jogos, Coritiba vira o clube que Robinho mais defendeu na carreira: “Sentimento de orgulho”

São 715 partidas como atleta profissional. Aos 34 anos, o meia Robinho possui uma trajetória de sucesso...

Athletico vence e fica a um jogo da classificação na Libertadores

Não realizando uma grande temporada até aqui o Athletico Paranaense deu um importante passo na busca por...

Mais destaques do esporte

Behulova completa semana perfeita e conquista título em Curitiba

A eslovaca Bianca Behulova certamente não vai...

Cascavel Futsal é campeão da LNF 2021

O futsal paranaense está em festa. Neste...

Você também pode gostarRelacionadas
Recomendado para você

Fale conosco