Automobilismo Metropolitano de Curitiba 2018 define campeões no AIC

Metropolitano de Curitiba 2018 define campeões no AIC

-

O Autódromo Internacional de Curitiba (AIC) recebe neste fim de semana (20 e 21/10) a sexta e última etapa do Campeonato Metropolitano de Curitiba de Velocidade no Asfalto, onde serão conhecidos os campeões da temporada 2018. O evento será disputado em duas baterias nas categorias Turismo 1.6 “I”, Marcas “A” e “B”, Turismo 5000 “A” e“B”, Terra Marcas “A”, Terra Marcas “B” e Terra Turismo “C”, com promoção e organização da Federação Paranaense de Automobilismo (FPrA) e o apoio da Bana Pneus, Pirelli, Posto Taborda, Hotel Slaviero Executive Pinhais, Zanoello Troféus Trans Magnabosco.

Turismo 1.6 “I”, conta em média com doze carros e muita disputa, correndo junto com as categorias Marcas. Nas cinco etapas realizadas, Rômulo Lazzari venceu sete corridas, em dupla com Felipe Lobo ou Alexandre Frankenberger e lidera com 192 pontos. Em segundo está José Pederneiras, com duas vitórias e 151pontos, e, o terceiro é Felipe Lobo, com 148 pontos. As provas do fim de semana vão definir o campeão, mas a vantagem do Rômulo é muito boa. Nas categorias Marcas, com grid superior a 20 carros, Gustavo Magnabosco é o líder com 154 pontos, na Marcas “A”, tendo 33 de vantagem para a dupla Ruslan Carta Filho/Andrei Carta, que tem 121. Fausto de Lucca está em terceiro, com 108 pontos. A disputa do título será entre Gustavo Magnabosco e os irmãos Carta, porém a vantagem do catarinense também é muito boa. E na Marcas “B”, que sempre é muito disputada, a dupla João Paulo Naumes/Alisson Nurnberg já conquistou o título por antecipação, somando 169 pontos, contra 106 de Samir Guimarães Silva. A “briga” fica pelo segundo e terceiro lugares entre Samir, Marcelo Andrade e Adriano Braz Netto. Na Turismo 5000 “A”, com os antigos Omega de Stock Car, o domínio foi todo de Armin Kliewer, que também é o campeão antecipado, com 172 pontos. Richard Heidrich está em segundo, com 108 e o paranaense Marco Antonio Garcia em terceiro com 84 pontos. Na Turismo 5000 “B”, para Omegas e Opalas da Velocidade na Terra, Maurício Gaudêncio é o campeão com 205 pontos. Gilberto Carlassara, que não correu a terceira etapa, está em segundo lugar, com 59 pontos e Luiz Fernando Busato está na terceira colocação, com 54 pontos.

As categorias Terra seguem a temporada 2018 com o maior grid do Metropolitano de Velocidade no Asfalto de Curitiba, reunindo 42 carros em média nas cinco primeiras etapas. Na Terra Marcas “A”, a liderança é de Leonardo Kowalski, com 184 pontos e a disputa pelo título será com a dupla Amauri Lisboa Jr/Stive Tokarski que tem 174. Roberto Bonato é o terceiro colocado com 94 pontos. Na Terra Marcas “B”, Guilherme Ragnini é o campeão antecipado, com 172 pontos. O vice-líder Luiz Otávio Brambila tem 129 e o terceiro colocado Carlos Eduardo Schilipack tem 86 pontos. E na Terra Turismo “C”, a “briga” vai ser muito boa entre o líder James Schwerdtner (154), Evandro Maldonado (132), José Luiz Cavassin (121) e Nilton da Silva Filho (105), para definir os três primeiros colocados e o campeão. Mais uma vez o fim de semana promete boas corridas no AIC.

– Programação –

A programação da sexta etapa do Metropolitano de Curitiba de Velocidade no Asfalto 2018 começa no sábado (20/10), com a realização de quatro treinos livres e os treinos classificatórios do Metropolitano de Curitibanas categorias Marcas, Turismo 1.6, Turismo 5000 Terra. Acontecerão ainda os briefings com os pilotos da Turismo 5000, das 12h20 às 12h35, pilotos da Marcas e Turismo das 12h40 às 13 horas e das categorias Terra das 13h05 às 13h25. A primeira prova das categorias Turismo 5000, será realizada a partir das 16h35, para 20 minutos mais duas voltas. E no domingo (21/10), o evento acontece das 8h20 às 15h35, iniciando com os warm-ups, das 8h20 às 9h15, seguindo com as primeiras corridas do Metropolitano de Curitiba, nas categorias Marcas e Turismo 1.6, às 9h45, para 30 minutos mais duas voltas, Terra, às 10h45, para 20 minutos mais duas voltas, e a segunda corrida da Turismo 5000, às 11h35, para 20 minutos mais duas voltas seguida de pódio. Na parte da tarde, as disputas começam com a segunda prova das categorias Marcas eTurismo, às 13h25, e a segunda prova das categorias Terra, acontece às 14h35. Na sequencia, a partir das 15h10, serão realizados os pódios das categorias Marcas “A”, Marcas “B”,Turismo 1.6 “I”, Terra Marcas “A”, Terra Marcas “B” e Terra Turismo “C”, encerrando as atividades no AIC.

– Classificação –

Com cinco etapas realizadas e dez provas disputadas, os cinco primeiros do Metropolitano de Velocidade no Asfalto 2018, por categoria são: Marcas “A”: 1.º) Gustavo Magnabosco (SC), 154 pontos; 2.º) Rulan Carta Filho/Andrei Carta (PR), 121; 3.º) Fausto de Lucca (SC), 108; 4.º) Richard Reidrich (SC), 102; 5.º) Wanderlei Berlanda Jr (SC), 91.Marcas “B”: 1.º) João Paulo Naumes/Alysson Nurnberg (PR), 169 (Campeã); 2.º) Samir Guimarães (SC), 106; 3.º) Marcelo Andrade (PR), 80; 4.º) Adriano Braz Neto (PR), 79; 5.º) Wilians Peres (PR) 74. Turismo 1.6 “I”: 1.º) Romulo Molinari (PR), 192; 2.º) José Pederneiras (PR), 151; 3.º) Felipe Lobo (SC), 148; 4.º) Antonio Carvalho (PR), 121; 5.º) Geison Tureck (PR), 104. Turismo 5000 “A”: 1.º) Armin Kliewer (SC), 172 (Campeão); 2.º) Richard Heidrich (SC), 108; 3.º) Marco Antonio Garcia (PR), 84; 4.º) Márcio Reuter (SC), 82; 5.º) Wanderlei Berlanda (SC), 63. Turismo 5000 “B”: 1.º) Maurício Gaudêncio (PR), 205; 2.º) Gilberto Carlassara (PR), 59; 3.º) Luiz Fernando Buratto (PR), 54; 4.º) Mário Broering/Rubens Kliewer (SC), 43; 5.º) Ivo Ribeiro Neto/Ivan Ribeiro (PR), 34. Terra Marcas “A”: 1.º) e Leonardo Kovalski (PR), 184; 2.º) Amauri Lisboa Jr/Stive Tokarski (PR), 174; 3.º) Roberto Bonato (PR), 94; 4.º) Geovane Ciesielski (PR), 72; 5.º) Naor Petry (PR), 64. Terra Marcas “B”: 1.º) Guilherme Ragnini (PR), 172; 2.º) Luiz Otávio Brambila (PR), 129; 3.º) Emerson Szwed (PR), 86; 4.º) Carlos Eduardo Schilipack (PR), 79; 5.º) Aleksander Pereira (PR), 65. E na Terra Turismo “C”: 1.º) James Schwerdtner (PR), 154; 2.º) Evandro Maldonado (PR), 132; 3.º) José Luís Cavassin (PR), 121; 4.º) Nilton da Silva Filho (PR), 105; e 5.º) Bruno Muhlstedt (PR), 69.

Últimas publicações

Coxa aplica goleado no Toledo na estreia no Couto Pereira

Jogando em casa e com força máxima o Coritiba recebeu o Toledo, na primeira partida do verdão...

Paraná e Londrina empatam na Vila Capanema

Em confronto atrasado da segunda rodada do Campeonato Paranaense, o Paraná Clube recebeu o Londrina, na Vila...

Athletico leva surra do Operário em plena Arena da Baixada

O Athletico sofreu uma verdadeira goleada na Arena da Baixada. Em confronto válido pela 2ª rodada do...

Athletico estreia na próxima semana na Copa Sulamericana

O Athletico Paranaense estreia na Copa Sulamericana na próxima semana, dia 20 de abril. Depois de conhecer...

GaiaMX apresenta pilotos que disputarão títulos no motociclismo off-road em 2021

O Team GaiaMX se prepara para entrar na disputa em 2021 com um elenco completo para as...

Campanha que mobilizou grandes nomes do futebol entra em nova fase para ajudar famílias durante pandemia

Grandes nomes do futebol e da música estão se unindo para ajudar crianças e famílias em situação...

Mais destaques do esporte

Único representante na elite, Athletico conhece tabela do Brasileirão

A Confederação Brasileira de Futebol divulgou nesta...

CBF realiza sorteio da Copa do Brasil

A Confederação Brasileira de Futebol realizou na...

Você também pode gostarRelacionadas
Recomendado para você

Fale conosco