Basquete São José dos Pinhais/Guaxo e NBPG/CCR Rodonorte/UniSecal/LDPG vencem neste...

São José dos Pinhais/Guaxo e NBPG/CCR Rodonorte/UniSecal/LDPG vencem neste sábado pelo Campeonato Brasileiro

-

A segunda rodada do returno da fase inicial do Campeonato Brasileiro de Clubes Masculino 2019 foi aberta neste sábado (20 de abril) com a realização de duas partidas. Os paranaenses São José dos Pinhais/Guaxo e NBPG/CCR Rodonorte/UniSecal/LDPG garantiram o resultado positivo.

Foto: Vinicius Oliveira/ PMSJP

O São José dos Pinhais/Guaxo deu sequência ao bom momento ao derrotar a LSB/PMS, 65 a 64 (26 a 31 no primeiro tempo), em duelo dramático e emocionante, realizado no ginásio Esportes Ney Braga, na cidade de São José dos Pinhais (PR). Os destaques foram Salatiel Hlawatsch (16 pontos, 04 rebotes, 03 assistências, 01 bola recuperada e 01 bloqueio) e Pedro “Galocha” Silva (14 pontos, 14 rebotes, 08 assistências e 03 bolas recuperadas – double-double), pelo time da casa; Jonatan Oliveira (12 pontos, 06 rebotes e 01 assistência) e Márcio “Pitico” Junior (11 pontos, 02 rebotes, 03 assistências e 02 bolas recuperadas), em favor do visitante.

O time da casa conseguiu ligeira vantagem no quarto inicial, que foi acirrado e marcado pelo baixo aproveitamento no ataque, devido aos erros excessivos, em especial nos arremessos (14 a 12). No segundo, a equipe sorocabana trabalhou mais a bola e apresentou melhora ofensiva, além de seguir marcando forte para tomar a dianteira do marcador e abrir ligeira vantagem (12 a 19).

Na volta do intervalo, o jogo seguiu igual, com as duas equipes lutando bastante, mas alternando erros e acertos, vivendo de lances individuais dos seus atletas. Com esse panorama, o time da casa conseguiu se aproximar bastante, ficando apenas um ponto atrás do adversário (19 a 15).

No último quarto, os times cresceram de produção e a LSB/PMS conseguiu um melhor aproveitamento para desgarrar. Nos minutos finais, no entanto, a partida voltou a ficar equilibrada e o São José dos Pinhais/Guaxo aproveitou um momento de desacerto do adversário para assumir o comando do marcador e vencer pela vantagem mínima (20 a 18).

“Essa foi uma vitória que representa muito, estávamos praticamente mortos na classificação e agora voltamos a sonhar, mas temos que seguir pensando jogo a jogo, por isso este resultado foi importante. Erramos muito no terceiro quarto, especialmente nos rebotes defensivos, e a LSB aproveitou para abrir; no final conseguimos marcar melhor e acertamos algumas bolas importantes do ataque para vencer”, analisou o técnico Adilson Novak Junior, do São José dos Pinhais/Guaxo.

“Faltou um pouco mais de força nos rebotes na parte final do jogo, além disso deixamos que eles convertessem algumas bolas importantes no momento da definição da partida. Isso foi determinante para o resultado final”, comentou Leonardo “Lelê” Oliveira, lateral da LSB/PMS.

O lateral Pedro “Galocha” Silva, do São José dos Pinhais/Guaxo, recebeu o Troféu Rolando Ferreira Júnior por ter sido eleito o destaque da partida. Ex-jogador, que vestiu a camisa de clubes importantes dos cenários nacional e internacional, Rolando integrou a Seleção Brasileira na conquista da medalha de ouro nos Jogos Pan-americanos de Indianápolis, em 1987.

Foto: André Jonsson/CCR RodoNorte – Legenda: O NBPG/CCR Rodonorte/UniSecal/LDPG se reabilitou com vitória difícil sobre a Unifae/São João da Boa Vista

A jornada foi aberta na parte da manhã, com a vitória do NBPG/CCR Rodonorte/UniSecal/LDPG sobre a Unifae/São João da Boa Vista, por 66 a 63 (38 a 35 no primeiro tempo), atuando no ginásio de Esportes Borell du Vernay, na cidade de Ponta Grossa (PR), em mais um jogo movimentado e equilibrado. Os principais nomes da partida foram Michel Silva (18 pontos, 10 rebotes e 02 assistências – double-double) e Wilson Júnior (16 pontos, 08 rebotes, 05 assistências e 01 bola recuperada), pelo time da casa; Pedro Adão (14 pontos e 02 rebotes) e Michel Souza (11 pontos e 03 rebotes), em favor do visitante.

O quarto inicial foi dominado pelo time da casa, que começou jogando em ritmo forte, conseguindo um bom desempenho ofensivo e também brecando as principais ações ofensivas do adversário (25 a 16). No segundo, a equipe visitante conseguiu se acertar, melhorando bastante a sua defesa, e ficou na frente, fazendo a desvantagem baixar e deixando o duelo equilibrado (13 a 19).

No terceiro período, a Unifae/São João da Boa Vista tentou manter o quadro evolutivo, contudo o representante paranaense não deixou, voltando a render bem para seguir no comando do marcador (15 a 12). No quarto final, o equilíbrio prevaleceu e a emoção também esteve presente, visto que os dois times lutaram pelo resultado positivo. No final, o representante de Ponta Grossa conseguiu se segurar na frente, mesmo com o crescimento do adversário, para vencer e se reabilitar na competição (13 a 16).

“Sabíamos que seria muito difícil, a equipe de São João da Boa Vista tem uma defesa muito agressiva; fiquei feliz com o prêmio, quero agradecer aos meus companheiros, que me acharam mais livre para definir as jogadas. Feliz também pela vitória e pela subida no campeonato, que está muito equilibrado; e vai ser assim até o final desta primeira fase, mas esperamos trazer a etapa decisiva aqui para o Borell, pois estamos mais concentrados. Conversamos depois da derrota no meio da semana e espero que a equipe siga nesse ritmo, crescendo para tentar o primeiro lugar nessa fase inicial. Quero agradecer o nosso torcedor, que compareceu e nos incentivou, aliás eles fazem isso sempre nas vitórias ou nas derrotas, por isso já fica o convite para o próximo desafio em nosso ginásio”, comentou o ala/armador Michel Silva, do NBPG/CCR Rodonorte/UniSecal/LDPG.

“O jogo foi decidido nos detalhes, tivemos a bola para empatar, mas esse lance não foi o determinante, já que poderíamos ter feito um terceiro quarto melhor, pois chegamos a ficar na frente e o time de Ponta Grossa se recuperou. Este é um campeonato muito equilibrado, em que não existem favoritos, uma vez que qualquer time pode vencer dentro ou fora de casa”, analisou o armador João Felipe, da Unifae/São João da Boa Vista.

O ala/armador Michel Silva, do NBPG/CCR Rodonorte/UniSecal/LDPG, recebeu o Troféu André Luiz Vilela Costa por ter sido eleito o destaque da partida. Ex-atleta de basquete com passagens pela Liga Desportiva de Ponta Grossa, Corinthians de Santa Cruz (RS), Ribeirão Preto (SP) e também por equipes canadenses, além da Seleção Brasileira Sub-17, André é um dos idealizadores do Memorial do Basquete de Ponta Grossa.

A classificação de momento do Campeonato Brasileiro é esta:

1º) NBPG/CCR RodoNorte/UniSecal/LDPG – 15 (06 vitórias e 03 derrotas)

2º) Cravinhos Basketball – 14 pontos (06 vitórias e 02 derrota)

3º) Unifae/São João da Boa Vista – 14 pontos (05 vitórias e 04 derrotas)

4º) LSB/PMS – 14 pontos (05 vitórias e 04 derrotas)

5º) Brusque/FME/Aradefe/Trimania – 13 pontos (05 vitórias e 03 derrotas)

6º) São José dos Pinhais/Guaxo – 12 pontos (03 vitórias e 06 derrotas)

7º) Blackstar Basquete/Trimania – 11 pontos (03 vitórias e 05 derrotas)

8º) Araraquara/ABA/Fundesport – 09 pontos (01 vitória e 07 derrotas)

Últimas publicações

Cine Passeio celebra 1 ano indicando filmes e atividades

Considerado “um dos vinte cinemas mais legais do mundo” pela revista Exibidor, especializada em informações e serviços...

Exposições históricas podem ser acessadas no site da FCC

A Fundação Cultural de Curitiba disponibiliza em PDF os materiais informativos e fotografias das exposições "Curitiba Tempo...

Concertos gravados da Camerata disponíveis on-line

Na data em que habitualmente é aberta a sua temporada anual de concertos, a Camerata Antiqua de...

Turismo Nacional lança competição virtual

Enquanto seguem as indefinições sobre o retorno das atividades automobilísticas, os amantes da velocidade ganham mais uma...

Federação Paranaense de Motociclismo apoia campanha em prol da quarentena

É tempo de priorizar o bem estar coletivo, respeitando a quarentena para minimizar o crescimento do Covid-19....

O futebol em meio à pandemia: Leonardo Cabral, empresário da LCT Soccer, avalia cenário do esporte

Apesar dos 19 anos de idade, Leonardo Cabral está acostumado com grandes responsabilidades. Sócio-fundador da LCT Soccer,...

Mais destaques do esporte

Você também pode gostarRelacionadas
Recomendado para você

Fale conosco