Cultura Caixa Cultural apresenta a peça BR-Trans

Caixa Cultural apresenta a peça BR-Trans

-

A CAIXA Cultural traz a Curitiba a peça teatral BR-Trans. O espetáculo, que faz temporada na CAIXA de 02 a 04 de fevereiro, concorreu aos principais prêmios do teatro brasileiro e aborda as vivências de travestis e transexuais no Brasil. Segundo a ONG Internacional Transgender Europe, o Brasil é o país onde ocorre o maior número de assassinatos de travestis e transexuais no mundo. Só nos primeiros meses de 2017 foram registrados mais de 150 casos de homicídio. O que está por trás de tanta violência e intolerância? Quem são as vítimas dessa tragédia cotidiana? Este é o cerne da montagem.

A peça BR-Trans apresenta de forma poética, inventiva e sem deixar de recorrer ao humor, histórias de superação vividas por muitas pessoas transgênero. O espetáculo, escrito e protagonizado pelo ator Silvero Pereira, já foi assistido por mais de 40 mil espectadores em várias cidades brasileiras, além de integrar a programação de festivais internacionais em países como Alemanha e Estados Unidos.

Em BR-TRANS, dirigido por Jezebel de Carli, professora e diretora gaúcha, está o resultado de quatro anos de pesquisa feita por Silvero junto a travestis, transformistas e transexuais de Porto Alegre. Em cena, o ator/autor narra histórias de vida, interpreta canções e dá voz a um sem número de pessoas que a sociedade teima em manter invisíveis. BR-Trans busca a inclusão, rompendo estereótipos e provocando reflexões.

Idealizado pelo ator Silvero Pereira, o espetáculo tem como interesse temático o universo de travestis, transexuais e artistas transformistas brasileiros. A montagem é resultante de um processo de pesquisa cênica que teve como perspectiva o teatro enquanto instrumento capaz de entreter, promover discussão e fomentar a transformação social através da arte. “BR-Trans é um processo artístico-documental que traça os pontos convergentes e divergentes do universo trans brasileiro entre os polos regionais Nordeste e Sul do país. Trata-se de um trabalho estético com base nos afetos, nas relações estabelecidas durante a pesquisa e na oportunidade de provocar questionamento, quiçá uma transformação social a partir da quebra de preconceitos por meio da arte”, afirma Silvero.

A diretora Jezebel de Carli teve seu primeiro contato com Silvero através de um amigo em comum, quando estava participando de um festival em Salvador. Informou-se sobre a pesquisa que o ator estava desenvolvendo, sobre a arte transformista, e soube que ele estava à procura de um diretor que pudesse ser seu “provocador cênico”. Após três meses de trabalho intenso, estrearam juntos BR-Trans. “Um manifesto, uma narrativa documental, um teatro depoimento, uma performance transformista”, como a diretora costuma descrever.

A “arte trans” de Silvero Pereira

 Histórias do Nordeste e do Sul. Trânsito de descobertas, dúvidas, angústias, liberdades, criação e transformação. BR-TRANS aproxima lugares, sentimentos e histórias, vividas em cena por Silvero Pereira, que costura e mistura narrativas que se inscrevem na sua vida e em sua trajetória. Para o artista, o teatro é instrumento de transformação social e de mudança de paradigmas; e a arte transformista é legítima linguagem cênica.

Silvero Pereira, 34 anos, é ator, dramaturgo, produtor cultural, maquiador, iluminador, aderecista, diretor e artista plástico. Concludente do Curso Superior em Artes Cênicas do Instituto Federal de Educação do Ceará (IFCE). Começou a sua carreira em 1998, quando aluno da Escola Técnica Federal do Ceará (ETFCE) em Fortaleza, se matriculou na oficina de teatro e logo depois já estava no elenco fixo da Cia Dionisyos de Teatro em Fortaleza (CE) atuando em vários grupos de teatro da cidade.

No ano 2000, fundou o Grupo Parque de Teatro, por meio da Fundação Parque de Formação Integral do Tapuio, na cidade de Aquiraz, onde desenvolveu um trabalho social e voluntário com crianças e jovens usando a arte como mecanismo educacional e social. Em 2002, iniciou sua pesquisa sobre o universo de travestis e transformistas com o solo “Uma Flor de Dama”, trabalhando a direção, texto adaptado, interpretação, cenário, figurino, maquiagem e sonoplastia. Com este solo participou de mais de 20 festivais nacionais, inclusive do IX Festival Nacional de Teatro de Recife, colecionando mais de 12 prêmios e a participação no Palco Giratório, maior programa de arte, circulação e difusão da América Latina.

Em 2006, criou a Inquieta Cia. de Teatro, na qual ainda integra o elenco. Entre 2009 e 2012, foi professor do Curso Princípios Básicos de Teatro do Theatro Estadual José de Alencar. Fundou o coletivo artístico As Travestidas, onde produziu e dirigiu 10 trabalhos entre teatro, dança, música, exposição, festivais e a Transvirada Cultural – 12 horas de arte com temática sobre travestis e transformistas.

Serviço

Teatro: BR-Trans
Local: CAIXA Cultural Curitiba. Rua Conselheiro Laurindo, 280 – Curitiba (PR).
Data: 02 a 04 de fevereiro de 2018 (sexta a domingo)
Horário: sexta e sábado, às 20h; e domingo às 19h.
Ingressos: Vendas a partir de 27 de janeiro (sábado). R$ 10 e R$ 5 (meia – conforme legislação e correntistas que pagarem com cartão de débito CAIXA).A compra pode ser feita com o cartão vale-cultura.
Bilheteria: (41) 2118-5111 (De terça a sábado, das 12h às 20h. Domingo, das 16h às 19h.)
Classificação etária: 14 anos
Lotação máxima: 125 lugares (2 para cadeirantes)

 

Por Assessoria de Imprensa

Rafael Pignatarohttps://www.cadernoinformativo.com.br
Produtor de conteúdo | Repórter | Jornalista |Marketing | Idealizador do Portal Caderno Informativo | Empreendedor na RP Comunicação Integrada |

Últimas publicações

Athletico vence o Peñarol no Uruguai pela Sul-Americana

O Athletico deu um importante passo na busca por uma das vagas na grande final da Copa...

Paraná inaugura maior clube de tiro esportivo do Brasil, em São José dos Pinhais

Dentro de uma área de 400 mil metros quadrados de muita mata preservada, em São José dos...

Coxa empata fora de casa

O Coritiba viajou para enfrentar o Vitória no Barradão, em partida válida pela 25ª rodada do Brasileiro,...

Zezinho Muggiati fatura etapa da SPR Light de kart no Beto Carrero

Com o primeiro lugar na primeira corrida e terceiro lugar na segunda corrida, o piloto curitibano, Zezinho...

Após sete jogos Athletico volta a vencer no Brasileirão

O Athletico Paranaense finalmente voltou a vencer na Série A do Campeonato Brasileiro. Após ficar sete jogos...

Rebaixado para a Série D, Paraná perde mais uma na terceirona

2021 é o ano mais vergonhoso da história do Paraná Clube. Depois de ser rebaixado no começo...

Mais destaques do esporte

Coxa é campeão da Copa do Brasil sub-20

Na tarde deste domingo (20) o Coritiba...

Você também pode gostarRelacionadas
Recomendado para você

Fale conosco