Destaques do Esporte Tenista paranaense Nathália Gasparin fatura o Bahia Juniors Cup...

Tenista paranaense Nathália Gasparin fatura o Bahia Juniors Cup pela 1ª vez

-

E o Brasil fez a festa conquistando os dois principais títulos na 33ª edição do Bahia Juniors Cup, terceira mais valiosa competição do país que contou com 220 atletas de nove países e pontuação Grau 3 para o ranking mundial júnior. A paranaense Nathália Gasparin e o pernambucano João Lucas Reis confirmaram o favoritismo e levaram o troféu em uma manhã e tarde de batalhas na quadra principal do centenário Clube Bahiano de Tênis.

Nathália, 165ª do mundo, que completa 18 anos no próximo mês, manteve a série de títulos do Brasil na categoria principal feminina ao derrotar a peruana segunda favorita Romina Ccuno por 2 sets a 0 com parciais de 7/5 7/6 (9/7) após duas horas e meia de duração.

A brasileira saiu atrás com 0/3, depois 1/4, mas foi buscar a virada no primeiro set. Viu a adversária ter sete set-points para levar ao terceiro set, mas foi buscar a vitória para levantar o caneco, seu primeiro na carreira mundial no juvenil nesta que é sua terceira participação no Bahia Juniors Cup: “Estou muito feliz com essa minha conquisita, minha primeira, fortes emoções hoje. Ela começou super bem matando os pontos e eu correndo de um lado para o outro, mudei um pouco minha estratégia, ela saiu na frente no segundo set, mas lutei ponto a ponto para conseguir virar o jogo, salvei sete set-ponts, teve um desses que salvei umas seis bolas complicadíssimas. Estou muito feliz”, celebrou a tenista que agora focará sua carreira no profissional: “Foi uma ótima conquista que me dará muita experiência para os eventos profissionais”.

A tenista que na sexta levou o troféu de duplas ao lado da portuguesa Rebeca Silva elogiou o evento: “Todos os três anos que vim pra cá foi muito bem organizado, o hotel muito bom, as quadras, é o único do juvenil com quadra rápida, isso é muito bom, os árbitros, tem boleiro, Gatorade à vontade, essas coisas para nós são muito boas”.

A última vez que o Brasil não se sagrou campeão no feminino em Salvador foi em 2012 com conquista da portuguesa Ivone Álvaro. Em 2013, 2015 e 2016 deu a paulista Thaísa Pedretti e em 2014 a carioca Maria Silva.

Por Assessoria de Imprensa

Rafael Pignatarohttps://www.cadernoinformativo.com.br
Produtor de conteúdo | Repórter | Jornalista |Marketing | Idealizador do Portal Caderno Informativo | Empreendedor na RP Comunicação Integrada |

Últimas publicações

Max Fight, um dos maiores eventos de MMA do Mundo será realizado nessa sexta feira em São José dos Pinhais

Depois de três anos de ausência devido a pandemia do covid-19, o Max Fight, um dos maiores...

Athletico vence terceiro jogo na Série A do Brasileirão

Jogando na Arena da Baixada, pela sétima rodada da Série A, o Athletico Paranaense conquistou sua terceira...

Na quarta divisão, Paraná bate o Cianorte no clássico do estado

Em um confronto muito equilibrado o Paraná Clube levou a melhor e conquistou sua terceira vitória em...

Em luta exibição de boxe, Anderson Silva e Bruno “Caveira” empatam em pontos

Aos 47 anos Anderson Silva segue chamando a atenção do mundo quando entra em um combate. Na...

Coxa não faz bom jogo e sofre revés para o Atlético-GO

Apático, o Coritiba sofreu mais um revés jogando como visitante na Série A do Campeonato Brasileiro. Assim...

Paranaense de Velocidade na Terra: Kart Cross confirma o maior grid da 2.ª etapa

As categorias Kart Cross Original CBA e Kart Cross Força Livre fizeram a festa na 2.ª etapa da Copa Vila Velha de...

Mais destaques do esporte

Behulova completa semana perfeita e conquista título em Curitiba

A eslovaca Bianca Behulova certamente não vai...

Cascavel Futsal é campeão da LNF 2021

O futsal paranaense está em festa. Neste...

Você também pode gostarRelacionadas
Recomendado para você

Fale conosco