Destaques do Esporte Prime Finals revela os últimos campeões da temporada 2017

Prime Finals revela os últimos campeões da temporada 2017

-

Por Diego Pereira
Foto: Lening Abdala/Prime

Encerrou no último domingo (17) o Prime Finals, o último torneio do calendário 2017 do tênis paranaense. O torneio de classes FPT 1000 + bôuns reuniu 350 tenistas disputando 28 categorias no masculino e feminino, com premiação total de R$ 8 mil, troféus personalizados e brindes disponibilizados pelos patrocinadores do evento.

Feliz pelo resultado obtido no segundo ano do evento, o promotor Mac Solek comemorou o sucesso do torneio e reconheceu o trabalho da Federação Paranaense de Tênis em todo o Estado. “Foi um grande torneio e até superamos as inscrições do ano passado. Acho que isso mostra que o Prime Finals veio mesmo para ficar e os tenistas gostaram de jogar. Aproveito para agradecer à FPT, que faz um ótimo trabalho em todo o Estado, e ao Clube Curitibano, que nos deu todas as condições para fazer mais uma grande competição. Para o ano que vem traremos novidades interessantes. A nossa intenção é fazer um torneio marcante e que todos queiram participar. Sempre serão muito bem-vindos”, disse Mac.

A campeã da 1ª classe feminina foi Kathleen Percegona, líder do ranking infanto na categoria 18 anos. Na final, Kathleen não teve dificuldades para derrotar Stefany Stemmer por 2 sets a 0 e parciais de 6/0 e 6/2. “Foi um bom jogo, entrei bastante concentrada e consegui fazer o que venho treinando. Fiquei feliz demais por terminar o ano com o título do Prime Finals e também pelo primeiro lugar no ranking juvenil. Vou continuar treinando bastante, estou bastante confiante no meu jogo e tenho planos para o ano que vem, quem sabe jogar e estudar fora do Brasil”, revela Kathleen.

Na 1MA o título ficou com o paulista Alex Blumenberg, que com parciais de 6/4 e 6/2 derrotou o paranaense Enrico Lima. Na 1MB uma virada definiu o campeão. Na final, Bruno Andrade derrotou Roberto Cristo com parciais de 2/6, 6/4 e 6/1 e celebrou o último título do ano. Na 3FA, por 2 sets a 1, Milene Marciniuk levou a melhor sobre a jovem Nicole Serraglio, de apenas 13 anos de idade. Na 3MB, o tenista Gildo Lima, que também é lutador e professor de artes marcais, fez bonito sobre Anderson Leite e, por 2 sets a 0 com parciais de 6/2 e 6/1, conquistou a liderança do ranking na categoria, subindo para a segunda classe em 2018. Confira AQUI a galeria de campeões do torneio.

Ao fim do torneio o presidente da FPT, Silvio de Souza, agradeceu aos tenistas, aos clubes e disse que 2018 reserva boas perspectivas para o tênis. “Mais uma vez o Prime Finals encerrou o ano do tênis no Paraná, desta vez com ainda mais participantes e prêmios. Foi um grande evento, uma festa que a Federação tem o prazer de apoiar. Tudo o que fizemos até agora, se não fosse pelos tenistas e pelos clubes, não teria acontecido. São eles que merecem todos os aplausos. É por eles que tentamos sempre fazer o melhor. O ano foi ótimo para o nosso esporte e espero que em 2018 a gente possa seguir neste caminho, conquistando cada vez mais espaço e melhorando cada vez mais os torneios”, disse Silvio.

CADEIRANTES

No Prime Finals também houve a disputa da categoria cadeirantes. Na final, o curitibano Adriano Santos, que joga por Maringá, derrotou o conterrâneo Adilson de Paula por 2 sets a 0, parciais de duplo 6/4, e ficou com mais um título na temporada 2017.

“Para mim foi muito importante jogar o Prime Finals para retomar a confiança. Mesmo sem treinar há 2 meses consegui vencer, mas o mais importante foi ver que o pessoal do tênis convencional assistiu e até torceu junto, e isso foi fantástico”, comemora Adriano.

Para o tenista, 2017 foi um ótimo ano para o tênis cadeirante no Paraná, o que permite Adriano fazer até uma previsão. “Para a gente dos torneios de cadeirantes o ano foi maravilhoso! Nunca tivemos tantos torneios assim no Paraná e isso tem nos ajudado a evoluir, inclusive a trazer novos adeptos. Só tenho a agradecer à FPT pelo apoio e tenho certeza que ano que vamos ter mais torneios e mais atletas participando. E logo, logo vamos ter jogadores do Paraná se destacando no cenário nacional”, prevê Adriano.

A segunda edição do torneio Prime Finals foi organizado pela Prime (www.maisumadaprime.com.br) e Federação Paranaense de Tênis, com patrocínio da Copel Telecom e Café Curaçao Guaratuba, com apoio dos Hotéis Mabu, Ana Righetto Acessórios, Clínica Faiçal e Ase.

Rafael Pignatarohttps://www.cadernoinformativo.com.br
Produtor de conteúdo | Repórter | Jornalista |Marketing | Idealizador do Portal Caderno Informativo | Empreendedor na RP Comunicação Integrada |

Últimas publicações

Coxa aplica goleada no Toledo na estreia no Couto Pereira

Jogando em casa e com força máxima o Coritiba recebeu o Toledo, na primeira partida do verdão...

Paraná e Londrina empatam na Vila Capanema

Em confronto atrasado da segunda rodada do Campeonato Paranaense, o Paraná Clube recebeu o Londrina, na Vila...

Athletico leva surra do Operário em plena Arena da Baixada

O Athletico sofreu uma verdadeira goleada na Arena da Baixada. Em confronto válido pela 2ª rodada do...

Athletico estreia na próxima semana na Copa Sulamericana

O Athletico Paranaense estreia na Copa Sulamericana na próxima semana, dia 20 de abril. Depois de conhecer...

GaiaMX apresenta pilotos que disputarão títulos no motociclismo off-road em 2021

O Team GaiaMX se prepara para entrar na disputa em 2021 com um elenco completo para as...

Campanha que mobilizou grandes nomes do futebol entra em nova fase para ajudar famílias durante pandemia

Grandes nomes do futebol e da música estão se unindo para ajudar crianças e famílias em situação...

Mais destaques do esporte

Único representante na elite, Athletico conhece tabela do Brasileirão

A Confederação Brasileira de Futebol divulgou nesta...

CBF realiza sorteio da Copa do Brasil

A Confederação Brasileira de Futebol realizou na...

Você também pode gostarRelacionadas
Recomendado para você

Fale conosco