Futebol Técnico Cristian de Souza é apresentado e fala em...

Técnico Cristian de Souza é apresentado e fala em dar sequencia no trabalho de seu antecessor

-

Por Assessoria de Imprensa
Foto: Rodrigo Sanches

O Paraná Clube estreia no Campeonato Brasileiro no próximo sábado (13) diante do ABC-RN, em Natal. O técnico Cristian de Souza chega com o objetivo inicial de dar sequência ao trabalho de seu antecessor, Wagner Lopes, mas buscando também aplicar os seus conceitos de futebol o quanto antes. “Particularmente, prefiro assim. Encontro um time organizado, com uma identidade. Ajustes, quando você vai para uma competição como a Série B, são normais e o próprio Wagner os faria”, comentou o novo comandante paranista.

Cristian se define como um “treinador sanguíneo”, que participa ativa e intensamente dos jogos. “Sou explosivo sim. Mas, você vai amadurecendo e aprendendo a se controlar mais”, comentou, durante a coletiva de apresentação. O treinador chegou a Curitiba no sábado e, mesmo tendo tido pouco contato com os atletas, já se sente ambientado. “A receptividade foi ótima. Já conhecia alguns atletas e vejo que temos grandes chances de fazer uma Série B equilibrada, brigando pelo objetivo maior, que é o acesso”.

Cristian de Souza é gaúcho de Quaraí. Seu último time foi o Rio Branco-AC. Porém, ele tem um histórico de muitos anos dentro do futebol. “Joguei até os 24 anos. Mas, quando percebi que minha carreira não seria longa como atleta, já passei a me preparar para atuar fora de campo. Fiz faculdade e atuei como auxiliar de muitos treinadores de qualidade”, disse o técnico tricolor, que tem como modelos de atuação dois profissionais de renome e também do Rio Grande do Sul: Tite e Mano Menezes.

“O Paraná Clube é, sim, o grande desafio de minha carreira até aqui. Mas, não sou novato. Hoje, o futebol brasileiro está mudando e abrindo muito mais espaço para técnicos como eu, de uma nova geração, de novos conceitos”, comentou. Essas ideias, Cristian já coloca em prática no dia a dia do Tricolor. Nas suas palavras, “agora é arregaçar mangas e trabalhar para essa estreia”. O treinador terá três dias para acertar o time que encara o ABC, campeão alagoano desta temporada. “Temos uma equipe que quer muito vencer, com sangue nos olhos. E isso é fundamental para termos um grupo competitivo. Essa é a grande virtude desse elenco”.

Últimas publicações

Curitiba Vôlei e Pinheiros duelam nesta sexta-feira pela Superliga Feminina

Em noite de quatro jogos pela Superliga Feminina, nesta sexta-feira (21) o Curitiba Vôlei vai encarar o...

Curitiba Vôlei encara o Barueri no returno da Superliga

Desde o ano passado sem atuar em casa, o Curitiba Vôlei voltará a jogar para a sua...

Curitiba Vôlei apresenta atletas para o segundo turno da Superliga Feminina

O Curitiba Vôlei trouxe duas atletas para a continuidade da fase classificatória da Superliga Feminina. A ponteira...

Giovana Marinoski encerra temporada com ação no Hospital Pequeno Principe

A kartista paranaense Giovana Krupp Marinoski encerrou a temporada que marcou sua despedida da categoria Cadete com...

Caio Zorzetto classifica 2021 como um marco importante para a carreira

Curtindo os últimos dias do ano, Caio Zorzetto faz um balanço de sua atuação nas pistas e...

Atletas com Covid-19 – Nota Curitiba Vôlei

O elenco do Curitiba Vôlei retornou aos trabalhos após o período de férias nesta segunda-feira (27) visando...

Mais destaques do esporte

Cascavel Futsal é campeão da LNF 2021

O futsal paranaense está em festa. Neste...

Gabriel Casagrande conquista título com atuação exemplar na Super Final

Gabriel Casagrande colocou seu nome na galeria...

Você também pode gostarRelacionadas
Recomendado para você

Fale conosco